sexta-feira, fevereiro 01, 2008

(2163) FRAUDE À LEI

1 comentário:

Rui disse...

Ainda hoje o PÚBLICO publica mais uma acerca da exclusividade do "Snr. Engenheiro" enquanto deputado. Caiu-me a cara de vergonha ao saber que um reputado constitucionalista (Vital Moreira) defende que tal prática apenas constitui um facto ilicito quando se trate de "actos remunerados".
Nunca tive Vital Moreira como "anjinho" mas será que ele realmente acredita que alguém exerça actividade directamente ligada com a sua formação profissional a titulo gratuíto?

Se fosse num país a sério e que fosse sério... seria diferente.
Um abraço:
Rui V.