sexta-feira, abril 11, 2008

(2589) "BRUTUS DIXIT"

Vítor Constâncio, considera que o Governo deve ter uma visão “mais realista” sobre o crescimento da economia portuguesa, contestando a posição do primeiro-ministro que considerou “excessivamente pessimista” a previsão do Fundo Monetário Internacional (FMI) de que Portugal apenas crescerá 1,3 por cento em 2008. Até tu, Brutus? Na verdade, quando até Vítor Constâncio, até há bem poucos dias tão optimista quanto o Governo sobre o crescimento da economia portuguesa, vem agora recomendar frigorífico à sopa escaldante da propaganda, então é caso para dizer: cidadãos, preparem-se para os dias difíceis que estão para vir.

1 comentário:

Teresa disse...

http://www.tsf.pt/online/common/include/streaming_audio.asp?audio=/2008/04/noticias/11/constancio.asx

Já viu que a notícia é falsa? Pode ouvir o que disse VC na tsf

Vitor Constancio nao aconselhou o governo coisa nenhuma e até disse que o fmi era demasiado pessimista e mais realista era um valor melhor.

Os jornais devem pensar que escrevem para leitores burros. Mas os leitores depois percebem que os querem enganar e fazem isso de propósito.

Teresa